9 de jul de 2012

Resenha: A Vida Sabe o que faz - Zibia Gasparetto



Desde adolescente sempre gostei muito dos livros sobre religiões e de temática espiritualista. Daí conheci os psicografados pela Zíbia Gasparetto e de lá pra cá, sempre leio os romances ditados pelo espírito de Lucius, o guia espiritual da Zíbia.
O que eu mais gosto da leitura de livros de temática espiritualista é que, independente de religião ou credo, eles acrescentam muito à nossa vida, ajudando, inclusive, em momentos que estamos em dúvida.



Brasil e Itália são palco desse romance , publicado pela Editora Vida & Consciência. A história de Isabel e Carlos envolve acontecimentos intensos, sonhos misteriosos, momentos de aprendizado e a confiança em um destino mais feliz para aqueles que estão dispostos a ouvir seus corações.

O jovem Carlos, combatente na II Guerra Mundial, é dado como morto, mas retorna ao Brasil depois de cinco anos desaparecido, para surpresa de Isabel, a moça com quem havia prometido se casar. Isabel, depois de anos de luto por causa dele, queria refazer sua vida ao lado de Gilberto. Sentimentos, expectativas e desencontros conduzem a história desses personagens e de suas famílias. Nas entrelinhas, subsiste a mensagem de que, se as respostas não estão claras, é melhor ter calma e dar um tempo para a vida – ela sempre sabe o que faz.

A prosa é ritmada e ágil, o texto descortina experiências pessoais em profundidade, narradas
por Luciu. Os diálogos reforçam a sensação de que as pessoas envolvidas nesta história são ligadas por laços muito fortes, estabelecidos em outras vidas. E, com a descoberta da espiritualidade, eles próprios – Isabel, Carlos e aqueles que os cercam – vão descobrir a importância desses laços para a evolução de cada um.

No entanto, mesmo gostando do livro, há algo que me incomoda um bocado nos romances da Zibia/Lucius, que é a finalização. É sempre muito brusco, deixando muitas coisas no ar, ou então, deixando de alinhavar melhor as estórias secundárias, mas que também têm peso para o romance.

Mas enfim, quem ainda não leu, fica a dica! ;oD



Nenhum comentário: