25 de fev de 2010

Nessa Manhã




Na janela, pela manhã
Vejo o dia quente
Vagar azul

É dia de cheiros,
Sons, cores
E coisas miúdas

Em sorriso largo
Absolvo-me de todo pecado, e
Já não sangro mais!

 

Patrícia Di Carlo
Imagem: Gustav Klimt

2 comentários:

Elisa Zavam disse...

"Ser poeta não é uma ambição minha é a minha maneira de estar sozinho." (Alberto Caeiro)

Patrícia Di Carlo disse...

E mais uam vez a voz da pessoa Caeiro canta em mim e por mim!!
Tão grata e feliz, Elisa!! ;oD