31 de mar de 2013

Aleatoriedade dominical com Mia Couto



"Me custa chamar lembranças. Porque a memória me chega rasgada, em pedaços desencontrados. Eu quero a paz de pertencer a um só lugar, eu quero a tranquilidade de não dividir memórias. Ser todo uma vida." 

Mia Couto 



3 comentários:

Maura C. Parvatis disse...

Que trecho ótimo!
Tenho muita vontade de ler algo do Mia, em breve bem breve, quero começar ''O Último Voo do Flamingo'' que está pedindo para ser lido há meses...

Beigos,
Maura - Blog da /mauraparvatis.

Patrícia Di Carlo disse...

Maura, dele eu só li "O Outro pé da sereia" e fiquei completamente apaixonada pela sua escrita poética e já estou com alguns e-books dele aqui na fila pra ler, entre eles "O último voo do flamingo" também! ;oD

Se gosta de escrita poética, tenho certeza de que irá se apaixonar também!

Xerinhos
Paty

Taiane Maria Bonita disse...

Esse cara é MUITO bom! Um dos meus escritores favoritos!