6 de mai de 2009

Ibicella*



Meu sexo é quente
E em meus bolsos
procuro um puto qualquer
roubado
doado
de prata
quiçá, um dourado...

Nas dobras do meu peito
procuro pelo mar
que um dia quase brotou
doce do meu seio
mas agora as margens
são tantas outras
quase sempre roucas...

e do sexo quente
só o sáfaro sem
fértil semente
um desvio indeciso
de fugas avulsas...

Ah, quem dera fosse Ibicella*
E em minhas pétalas chegasse a vida...

Oxalá, eu a devoraria!


Patrícia Gomes
Imagem: Sarracenia.com


*Ibicella, uma espécie de planta carnívora.

Nenhum comentário: