1 de mai de 2012

Idílio



Eu quero uma casa no campo,
com você dentro dela...

Quero voar em volta
com você entre minhas asas
sentindo seu coração
pulsar o meu...

Quero uma casa perto de um rio,
e você como nascente, pra poder
mergulhar como uma criança inocente,
e trazer seu cheiro na curva do braço...

Nessa casa serei tarde parada,
pra que nossos corpos possam
compartilhar a madrugada e o
amor, que a tudo confunde...

Chão de terra fértil serei,
pra toda boa raiz brotar;
porque sou assim, mesmo
sem você sequer notar...

Idílio, sonho infantil, bobo
pode até ser, mas
sou isso também, 

ainda mais quando espero,
espero sempre
Você, enfim, voltar...


Patrícia Di Carlo
Imagem: Idílio - Tarsila do Amaral

Um comentário:

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Desculpe entrar assim, mas é sobre plágio.
tem um poema seu neste link:

http://betecigana.blogspot.pt/search?updated-max=2012-08-26T09:11:00-07:00&max-results=20

É um blogue que vive de plágio, só poemas meus tem lá mais de 40 e de tantas outras pessoas que escrevem e ela faz-se dona deles.

Um beijinho e desculpe
Rosa